Catedral de Freiburg na Alemanha

1 Cidade : 1 Atração = Freiburger Münster : Catedral de Freiburg

1 Cidade : 1 Atração = Freiburger Münster : Catedral de Freiburg

Localizada no sudoeste da Alemanha, mais especificamente na região da floresta negra, a Catedral de Freiburg é um dos principais símbolos arquitetônicos da cidade de Freiburg. Construída ao longo de mais de 300 anos entre os séculos XII e XVI, a Freiburger Münster é considerada uma das obras arquitetônicas mais significativas da arquitetura gótica medieval na Europa. E é justamente sobre ela que iremos conhecer um pouco mais no post desta semana na série 1 Cidade: 1 Atração.

Catedral de Freiburg na Alemanha

Pouca gente talvez saiba, mas eu tive o privilégio de viver em Freiburg entre os anos de 2005 e 2006 quando fiz um intercâmbio acadêmico na Universidade de Freiburg. Viver em Freiburg foi uma experiência sensacional, e que de muitas maneiras mudou a minha vida.

Catedral de Freiburg 15

Freiburg é uma cidade universitária com aproximadamente 200.000 habitantes, dos quais mais de 10% é formada por estudantes da Albert-Ludwigs Universität. Considerada a porta de entrada da Floresta Negra, a cidade de Freiburg am Bresigau e seus arredores tem muita história e atrações legais para serem visitadas.

Catedral de Freiburg 5

Porém, desde a primeira vez que coloquei meus olhos nessa catedral ela me fascinou. Perdi as contas de quantas vezes eu passei por ela de bicicleta. Ou quantas vezes não fui nas feirinhas ao redor dela. Ou ainda quantas vezes não fui passear pelo Schlossberg para ver a cidade e observar ela imponente no centro da cidade.

Esses dias bateu uma baita saudade dessa época… Eu estava olhando algumas fotos dessa temporada que vivi na Alemanha e pensei: por que não pesquisar e escrever um pouco sobre a Catedral de Freiburg para o post da série 1 Cidade: 1 Atração?

História da Catedral de Freiburg:

Comissionada pelos duques da casa real de Zähringen, a Freiburger Münster começou a ser construída por volta do ano de 1200 d.C. E foi construída substituindo uma pequena igreja de madeira que existia no local desde 1120 d.C. No seu projeto original adotava as linhas retas e austeras da arquitetura românica.

Catedral de Freiburg

A construção da Freiburger Münster em estilo românico avançou por cerca de 3 décadas, quando os primeiros elementos góticos começaram a ser adicionados ao projeto, influenciados em grande parte pela construção da catedral gótica de Strassbourg na França.

Catedral de Freiburg

No final das contas, a construção da Catedral de Freiburg teve várias adições e desdobramentos. Isto acabou fazendo com que a construção dessa fenomenal igreja durasse quase 3 séculos.

Catedral de Freiburg 30

Imprevistos acontecem! Garanta seu seguro de viagem aqui!
Utilize o link promocional: CLIQUE AQUI para receber desconto em sua compra.

Famosa pelos ricos elementos góticos decorativos de sua fachada e pela sua imponente torre filigranada de 116m de altura, foi a mais alta torre gótica construída na Europa até então. A Catedral de Freiburg detém ainda um considerável número de obras de arte gótica medieval em seu interior. E que incluem peças como altares, órgão, vitrais e diversas esculturas sacras.

Catedral de Freiburg

Toda essa riqueza de detalhes e grandiosidade na obra de construção da Catedral de Freiburg só foram possíveis graças aos ricos depósitos de prata encontrados até então na região da Floresta Negra. Motivo este que fez de Freiburg uma cidade medieval muito rica.

Catedral de Freiburg

Além disso, os abundantes estoques de arenito rosado e as enormes florestas de abetos nos arredores da cidade deram as condições ideais para a construção de um edifício gótico desta natureza. Assim, com capital e matéria-prima, a Catedral Freiburg foi uma das poucas grandes igrejas góticas com torre, que foram construídas e finalizadas ainda durante a Idade Média e que permanecem de pé até hoje.

Catedral de Freiburg

Ainda durante a Idade Média, Freiburg, apesar de ser uma cidade rica e importante do alto vale Reno, na verdade fazia parte da arquidiocese de Constança. E foi apenas quando a igreja católica nomeou o primeiro arcebispo católico para a cidade em 1827, que Freiburg foi finalmente elevada à condição de Arquidiocese. O que tecnicamente, fez com que a igreja de Freiburg passasse a ser considerada de fato uma catedral.

Catedral de Freiburg 25

Apesar de passar praticamente incólume pelas várias guerras e ocupações que testemunhou, especialmente as duas guerras mundiais do século 20. Alguns pequenos danos foram infligidos à mesma nestes conflitos.

Catedral de Freiburg 26

Felizmente, os vitrais ainda são em sua grande maioria originais, pois foram retirados durante a Segunda Guerra antes dos ataques aéreos e armazenados em local seguro. Hoje, todos esses vitrais estão totalmente restaurados em sua glória original.

Vitrais Catedral de Freiburg

Quando você vê uma foto aérea de Freiburg em 1945 logo após o final da segunda guerra mundial, como esta que está dentro da Catedral de Freiburg. Você realmente compreende como o fato dela, e principalmente sua torre, terem resistido aos bombardeios, foi um verdadeiro milagre divino frente à destruição quase total da cidade durante os bombardeios da noite de 27 de Novembro de 1944.

Catedral de Freiburg

Como comentei anteriormente, a responsabilidade e o financiamento da obra inicialmente couberam aos senhores feudáis da cidade, os duques de Zähringen. Porém, a partir de cerca de 1300, foi a cidade de Freiburg que assumiu a gestão financeira e o trabalho de construção da catedral em si. Permanecendo responsável pela Catedral de Freiburg até o início do século 19. Na verdade, a igreja católica nunca foi “dona de fato” dessa catedral.

Catedral de Freiburg 22

Desde o século 19 ela é administrada por um conselho municipal e uma espécie de fundação. Eles são os responsáveis, com a colaboração da igreja, pela manutenção, restauração e conservação deste verdadeiro ícone da arquitetura gótica européia.

Catedral de Freiburg 18

Arquitetura da Catedral de Freiburg

Originalmente concebida em linhas românicas, a catedral de Freiburg acabou se transformando num dos maiores edifícios góticos construídos na Idade Média. Durante todo o período de sua construção, experimentou muitas mudanças de projeto e teve muitos mestres-construtores. Muitos dos quais, acabaram passando desapercebidos pela história.

Catedral de Freiburg

Apenas quando se deu início à construção do coro gótico tardio da nave principal que os primeiros nomes começaram a fazer, ou melhor entrar para a história. Entre eles o nome de Johannes von Gmünd, um dos famosos mestres góticos alemães da família “Parler” de escultores sacros.

Catedral de Freiburg

Para construir e projetar a Catedral de Freiburg, seus projetistas e construtores se inspiraram em outras duas das mais importantes catedrais do Alto Reno. No início, o projeto foi inspirado na catedral de estilo românico tardio da Basiléia na Suíça. E a partir de 1230-1240 o projeto foi fortemente influenciado pelo estilo gótico da Catedral de Strasbourg.

Catedral de Freiburg

As ligações artísticas e o uso de idéias mútuas são observáveis nas três catedrais em várias maneiras. Seja na arquitetura, como na escultura, vitrais e até mesmo o material construtivo utilizado nas três.

Catedral de Freiburg

Mesmo após a conclusão da catedral, em meados do século XVI, as atividades construtivas não encerraram completamente. Ao longo dos anos foram-se incluindo inúmeras adições, reformas e extensões para embelezar a igreja. E principalmente no período da contra-reforma. Mas não só neste período que continuou as melhorias, que podem-se ver até os dias de hoje.

Catedral de Freiburg

Na verdade, o trabalho de conservação e restauração da catedral de Freiburg vem sendo realizado repetidamente desde o dia que a mesma começou a ser construída. Todas as obras de restauração da Catedral de Freiburg são supervisionadas hoje pelo departamento de construção da arquidiocese de Freiburg e pela guilda de construtores da cidade (Münsterbauverein) com a Münsterbauhütte. Uma cooperação que trabalha desta forma, praticamente desde a Idade Média. Falando sobre a restauração da Catedral de Freiburg, encontrei um artigo super interessante sobre o assunto no site da Deutsche Welle. Está todo em português e eu recomendo a leitura.

Catedral de Freiburg

Visitando a Catedral de Freiburg na Alemanha

Esta maravilhosa obra arquitetônica, além de ser uma das mais representativas da arquitetura gótica na Europa, caracteriza de forma marcante e inconfundível a silhueta de Freiburg. Com sua singular torre avermelhada de 116m de altura, a Freiburger Münster pode ver vista majestosa de várias partes da cidade.

Catedral de Freiburg

Para uma visão panorâmica sobre a cidade com a catedral, minha sugestão é subir ao mirante do alto Schlossberg.

Catedral de Freiburg do alto do Schlossberg

Agora se você quiser apreciar a catedral de uma perspectiva mais intimista, você também vai ter um visual muito legal subindo os intermináveis degraus que te levam ao alto da torre principal da Catedral. Lá de cima você terá a chance de observar com maior detalhe o trabalho da alvenaria em filigrana da torre. Além de ter uma vista linda para o centro de Freiburg.

Catedral de Freiburg

Quando subir na torre, não deixe de conhecer o carrilhão de sinos da igreja. Ao todo são 19 sinos que juntos pesam mais de 25 toneladas. Um dos sinos, o número 5, chamado de Hosanna é de 1258. Ele é um dos mais antigos ainda em operação na Alemanha. Pode-se ouvi-lo tocar durante o Angelus às quintas, sextas e sábados. Assim como no dia 27 de Novembro quando Freiburg foi bombardeada pelas tropas aliadas.

O interior da igreja é lindo e repleto de detalhes. Lá dentro há dois altares importantes. O altar-mor é de Hans Baldung, e outro altar de Hans Holbein, o Jovem em uma capela lateral. O órgão é dividido em 4 partes e conta com 144 tubos. As esculturas são muito bonitas, assim como a nave principal e os vitrais da igreja.

Catedral de Freiburg 32

Saindo da Igreja não deixe de observar a arquitetura, as estátuas e as gárgulas espalhadas ao redor da catedral. E obviamente, não deixe de passear pela cidade velha. Ela é cheia de atrações como o Mercado da Marktplatz, a Rathaus, o Martinstor e o Schwabentor, só para citar alguns.

Schwabentor visto da Catedral de Freiburg

Outra coisa que você vai logo notar em Freiburg são os “bächles”. Estes pequenos “riachos“ que correm a céu aberto pelas ruas e vielas enriquecendo a paisagem do centro de Freiburg de uma forma muito poética.

Canais nas ruas de Freiburg

Esses pequenos riachos tiveram diversas utilidades na história de Freiburg. E existem diversas versões sobre a sua utilidade. Uma delas era que os “bächles” serviam para facilitar a limpeza da cidade quando se terminava as atividades do mercado. E também ajudar na limpeza das ruas, pois naquela época se utilizavam cavalos. Outra versão diz que eles auxiliavam no combate aos incêndios, muito comuns na Idade Média. Independentemente qual o motivo pelo qual foram construído, o fato é que hoje eles são um atrativo turístico muito particular da cidade.

Informações úteis sobre a Catedral Freiburg:

Horário

Horário de visitação ao interior da Catedral de Freiburg é de Segunda à Sábado das 10:00 as 17:00. Aos Domingos e Feriados das 13:00 às 19:30

Horário de visitação à torre da Catedral de Freiburg é de Terça à Sabado das 10:00 às 16:45. Aos Domingos e Feriados das 13 às 17:00. Fechado nas segundas-feiras.

Para os horários dos serviços religiosos acesse este link.

Entrada

A entrada é gratuita. Já o acesso à torre custa 2 Euros para adultos, 1,50 para Estudantes e 0.50 para crianças até 12 anos

Como chegar

Á pé mesmo ou à partir da estação central com bondinho das linhas (1, 3 e 5) até o centro da cidade na parada Bertoldsbrunnen

Estacionamento

O estacionamento mais próximo é o Schlossberggarage, com 516 vagas. Endereço: Schlossbergring 14. Custo: €1.90 por hora, máximo €24.50 por dia.

Outra opção: Parkhaus am Karlsbau, Auf der Zinnen 1– 79098 Freiburg.

Endereços úteis:

Endereço:

Catedral de Freiburg

Münsterplatz,79098

Freiburg im Breisgau,Alemanha

 

 

Coordenadas GPS:

Latitude Longitude
N 47 59.734 E 7 51.159

4 Comentários

  1. avatar
    Posted by João -DF| 26/02/2016 |Responder

    Olá Oscar. Isto é que chamo de um post bem elaborado, marca registrada da turma do “Viajoteca”. Sintimos uma saudade imensa da nossa viagem à cidade, época dos mercados Natalinos. Pegamos um caro em strassbourg e seguimos em diracao fLorena negra. Nevava demais. Um frio de arrepiar. Contudo nada disso nos tirou aquela vontade de visitar os seus pontos turísticos. Passamos um dia inteiro andando e cada lugar era uma surpresa maravilhosa, principalmente está catedral. Coisa linda. É de encher os olhos. Continuem nos prestigiando com estes posts maravilhosos, completos e gostos de ler. Grande abraço.

    • Posted by Oscar Augusto Risch| 16/08/2016 |Responder

      Legal João!!!

      Eu morei um tempo em Freiburg e absolutamente amo essa cidade.. A época do mercado natalino era com certeza uma das minhas favoritas. Obrigado pela visita e elogio

      Abs

  2. avatar

    […] toda semana fazia algumas comprinhas no Münster Market, o mercado de rua loxalizado ao redor da imponente Freiburger Münster. Toda cidade alemã que se preze, tem um mercado desses. Seja ao redor da catedral ou em frente a […]

  3. avatar

    […] é outro mercado de natal que você precisa visitar. A torre da catedral gótica domina a cidade. Abaixo, as mais variadas barracas, com seus belíssimos artigos. Se tiver a […]

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Todos os campos são requeridos.